Ângela Faria de Paula Lima

Nada se torna realidade antes que um dia tenha sido sonho

Textos


POR QUE?
 
Por que ainda segues mesmo trilho
Da mesma estrada triste e silenciosa
Buscando aquela imagem que com brilho
Te esperaria na manhã radiosa?
 
Por que insistes seguir a mesma senda
Que traz o sentimento de tristura
Que não tem luz capaz que se acenda
P’ra iluminar teus dias de amargura?
 
E ainda faz, refaz e insistente
Procuras por alguém, que agora ausente
Está em outra estrada, em outra viagem?
 
Muda o caminho, há outra direção!
Empenha em outra busca, ó coração!
Escolhe outro caminho! Tem coragem!
28/06/2017
 
Ângela Faria de Paula Lima
 
Interação ao lindo soneto de Ania SEMPRE A MESMA ESTRADA
http://www.recantodasletras.com.br/sonetos/6039520
 
ÂNGELA FARIA DE PAULA LIMA
Enviado por ÂNGELA FARIA DE PAULA LIMA em 28/06/2017
Alterado em 28/06/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (citar a autoria de Angela Faria de Paula Lima-MG). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras